não que seja grandes surpresas que muita coisa que a gente lê na internet hoje em dia é comprada (né), mas é interessante quando um estudante americano dá nome aos bois.